Criança,

14:56:00


Linda, inocente, alegria de uma casa, tanto aprende como ensina, olhos de interrogação, sorriso puro, cativante, abraço com braços pequenos, beijos molhados e uma dependência eterna, assim são os pequenos anjos, que mais tarde poderão ficar escondidos, perdidos e esquecidos dentro dos adultos.

Quando mencionada sempre há associação com “irresponsabilidade”, ingenuidade, saudades, lembrança de uma época feliz onde tudo era possível. Toda criança tem direito a uma família, a uma infância saudável, com brincadeiras, com dignidade e muito amor.

A infância é fase de descobrimentos, de aprendizados interessantes, alem de ser época de muito carinho, momento do primeiro amor, das primeiras amizades, do sorriso fácil e faceiro. Nestes dias, que se transformarão em anos o dinheiro não é importante, mais vale uma volta no quarteirão com o cachorro, um jogo de futebol com o pai e uma ida no centro da cidade com a mãe, do que presentes caros, que por vezes são moedas de troca no “mercado” do carinho, das ausências e dos diálogos.

Sabemos que nem todas as crianças passam suas infâncias com as mães, desmamadas cedo, desgarradas do seio e do colo materno são matriculadas em escolas especializadas em educação infantil para as mães voltarem ao mercado de trabalho. Mas cada pai, cada mãe sabe o que deve ser feito e torço para que façam o melhor.

O dia da criança é comemorado pelo mundo em datas diferente, no calendário da ONU é dia vinte de novembro, em outros países, como Portugal dia primeiro de junho e no Brasil, desde o início do sec. XX é no dia 12 de outubro. Qualquer dia, esta homenagem sempre será muito merecida.

Enfim, minha criança, meus parabéns pelo seu dia, pela sua alegria, por sua capacidade de nos fazer rir sem maldade, de piadas pueris. Obrigado pela luz que nos deixa, em cada momento que se faz presente, com seus porquês e com suas interpretações da vida, você vale muito, mas em ouro e em dinheiro não há pagamento suficiente, só em gratidão e no cuidado que devo a ti, em cada segundo da minha existência.

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários

Obrigado. Fica com Deus.

Entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Seguidores

Acreditar

Acreditar